Peixe,

Bacalhau com broa em cama de legumes - numa vertente saudável

09:00:00 Ana Filipa Costa 7 Comments


Fechamos o mês de Janeiro com uma sugestão de peixe, equilibrada, saudável e saborosa.
Bacalhau com crosta de broa de milho é uma das combinações que aprecio bastante.

Esta opção é cozinhada inteiramente no forno, o que a torna mais saudável e o acompanhamento inteiramente de legumes salteados combina muito bem, para além de dar alguma leveza ao prato.

É um prato bastante versátil que tanto pode ser apresentado numa refeição mais "pomposa" entre amigos e familiares, como pode perfeitamente ser servido nas refeições do dia-a-dia, e resulta igualmente bem na marmita.

Espero que gostem!

Ingredientes:
➔ 250g de broa de milho
➔ 1 ramo de salsa
➔ 6 dentes de alho
➔ 1 ovo
➔ 1 c.sopa de vinagre
➔ 4 postas de bacalhau demolhadas
➔ 1 cebola grande
➔ 1,5dl de azeite
➔ 1 curgete
➔ 2 cenouras
➔ 2 nabos
➔ 0,5dl de água
➔ sal e pimenta a gosto
➔ 1 ramo de coentros

Modo de Preparo:
1) Num copo misturador, picar a broa com a salsa e um dente de alho, acrescentar o ovo, o vinagre e uma pitada de sal e envolver bem, até obter uma pasta homogénea.
2) Numa travessa que possa ir ao forno, dispor a cebola cortada em rodelas finas e sobre a cebola, colocar as postas de bacalhau. Espalhar sobre cada posta o preparado de broa, regar com metade do azeite e levar ao forno, a 190ºC por 25 minutos.
3) Cortar os legumes em juliana, e levar a refogar com o restante azeite e alhos picados. Adicionar a água e ferver por 3 minutos, temperar com sal e pimenta a gosto e dispor em pratos de servir.
4) Sobre os legumes colocar as postas de bacalhau e aromatizar com os coentros, servir em seguida.





7 comentários:

Agradeço a tua visita e comentário!
Espero ver-te por aqui mais vezes :)

Saudável,

Caril de batata-doce com grão e couve kale

09:00:00 Ana Filipa Costa 6 Comments


Adoro os sabores Indianos e pratos de caril são uma perdição para mim.
Gosto particularmente de pratos vegetarianos com o tempero de caril, acho que combinam muito bem, e de entre esses, o caril de grão é o meu preferido!

Esta versão tem o acréscimo da couve kale, que acho que combina muito bem, mas podem optar por juntar espinafres em alternativa, fica igualmente delicioso.

É um prato quente, reconfortante e equilibrado, para quebrar a rotina da carne e do peixe, e não se iludam, é extremamente saciante!

Ingredientes:
➔ 2 c.sopa de azeite
➔ 2 cebolas pequenas cortadas em rodelas
➔ 3 c.sopa de mistura de caril
➔ 1 malagueta vermelha, picada sem as sementes
➔ 3 cm de gengibre fresco ralado
➔ 1 ramo de coentros, os pés picados e as folhas escolhidas
➔ 3 batatas-doces cromadas em cubos de 2 cm
➔ 400g de grão-de-bico cozido e escorrido
➔ 8 tomates pequenos maduros picados ou uma lata de 400g de tomate pelado picado
➔  400ml de leite de côco
➔ 400g de couve kale (em alternativa podem usar espinafres) sem os talos, apenas as folhas, previamente lavada
➔ sal e pimenta a gosto

Modo de Preparo:
1) Numa caçarola grande colocar o azeite e a cebola e levar a refogar. Durante o processo, juntar o caril e deixar que a cebola cozinhe até ficar translúcida.
2) Adicionar a malagueta, o gengibre, os pés de coentros, a batata-doce e o grão-de-bico. Cozinhar por 5 minutos.
3) Adicionar o tomate e 200ml de água e deixar que levante fervura. Reduzir o lume para médio-baixo, tapar o tacho e cozinhar 10 a 15 minutos. Destapar, juntar a couve kale e cozinhar por mais 15 a 20 minutos (até a batata estar cozida e o molho tiver espesso).
4) Adicionar o leite de côco, e deixar cozinhar por mais uns minutos, temperando com sal e pimenta a gosto.
5) Antes de servir, salpicar com as folhas de coentros.
6) Servir com arroz basmati branco.




6 comentários:

Agradeço a tua visita e comentário!
Espero ver-te por aqui mais vezes :)

Restaurantes,

Hambúrgueres artesanais no 2Burguer Montijo

05:11:00 Ana Filipa Costa 3 Comments



Hoje trago-vos não uma receita mas sim uma recomendação de restaurante.
Se vivem na margem sul ou próximo, aconselho uma visita a este espaço 😊

As hamburgarias artesanais estão na moda e o 2Burguer veio conquistar o seu espaço no Montijo, que tanto precisa de restaurantes do género!
O 2Burguer apresenta um menu reduzido mas muito bem pensado, de hambúrgueres 100% artesanais, com conjugações de sabores muito bem conseguidas.

Todos os meses, apresentam um hambúrguer novo, exclusivo desse mês, e têm opções vegetarianas e vegan. Para além disso, servem também hambúrgueres de frango e salmão, e o acompanhamento tanto pode ser de batata normal como de batata doce.
O pão também pode ser o tradicional de hambúrguer ou em bolo do caco.

A apresentação dos pratos é bastante cuidada e o atendimento é sempre atencioso.

Já visitei o espaço por diversas vezes e em todas elas fiquei sempre muito satisfeita.

Nesta última visita, optámos por pedir um hambúrguer com sabores brasileiros o "Ai seu eu txi pego" e um com sabores nortenhos o "Cum carago".

A primeira opção consiste num hambúrguer à base de carne de picanha, com abacaxi grelhado e cebola ligeiramente caramelizada. Bastante equilibrado e muito saboroso.
Já a segunda opção é um hambúrguer com molho de francesinha, tipicamente portuense e também este muito saboroso.

Para acompanhar optámos pelas batatas normais.
Pedimos ainda duas limonadas, uma normal com hortelã e outra com frutos vermelhos, ambas deliciosas. 

Nesta visita não optámos por pedir sobremesa, mas são também estas muito boas e o melhor de tudo, são caseiras. Opções como cheesecakes (de frutos silvestres, de kinder buenno, entre outras) e mousses caseiras (como Oreo, lima entre outras) são comuns por aqui e vão variando conforme os dias. 
Hambúrgueres "Ai se eu txi pego"
Hambúrguer "Cum carago"

Um espaço moderno, com uma decoração simpática e acolhedora, que merece sem dúvida uma visita!
Não se esqueçam de fazer reserva se pretenderem visitar! 😊

2Burger Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato 

3 comentários:

Agradeço a tua visita e comentário!
Espero ver-te por aqui mais vezes :)

Truques

TRUQUE - Eliminar o odor a fritos da casa

09:00:00 Ana Filipa Costa 2 Comments


Uma das coisas que mais me demove de fazer fritos em casa, para além da questão de saúde, é o cheiro a gordura que fica no ambiente.

Mesmo sabendo que não são a melhor opção nutricional, aprecio bastante o sabor das frituras, costuma dizer-se que tudo o que é frito fica mais saboroso, não é verdade? 😊

Há uns tempos deparei-me com este pequeno truque para eliminar o cheiro de frituras que faz maravilhas e resulta mesmo! E é tão simples que tinha mesmo de partilhar convosco.

Basta que coloquem numa panela rodelas de laranja e limão, uns paus de canela e umas cabeças de cravinho, cubram com água e levem ao lume, depois de terem feito os preparados fritos.
Verão que em pouco tempo, após a mistura começar a ferver, o cheiro de frituras é substituído por um agradável perfume de laranja com especiarias e pode-se dizer que ficam com a cozinha a cheirar a Natal em qualquer altura do ano!

Simples, fácil e amigo do ambiente, um truque que todas nós cozinheira podemos guardar na manga 😉

2 comentários:

Agradeço a tua visita e comentário!
Espero ver-te por aqui mais vezes :)

Bimby,

Bolo-Rei tradicional, para festejar o dia de Reis

09:18:00 Ana Filipa Costa 3 Comments


De todos as variantes de bolo-rei que existem (já partilhei algumas variantes convosco aqui), cada vez mais, a tradicional é a minha preferida.

Quando era miúda, não gostava muito de bolo-rei, especialmente devido às frutas cristalizadas, mas com o tempo, o meu paladar tem vindo a mudar, e o bolo-rei tradicional, tem-me enchido cada vez mais as medidas.

Esta é a receita a que recorro sempre! Nunca me desilude. O bolo fica sempre fofo, saboroso e bonito. Mesmo para as variantes deste bolo, a base é sempre esta.
A fonte desta receita vem do livro "Bimby - As receitas essenciais, página 146" mas por variadas vezes já a fiz de forma tradicional e resulta igualmente bem, por isso mesmo que não tenham robot de cozinha podem seguramente fazer esta receita, não vão ficar desapontados, garanto! 😊

E porque hoje é dia de Reis, nada como levar à mesa o Rei de todos os bolos, o Bolo-Rei. 😊
Votos de um dia feliz!

Ingredientes:
➔ 450g farinha de trigo tipo 55 com fermento
➔ 70g de açúcar
➔ casca de 1 laranja e de 1 limão
➔ 130g de leite
➔ 70g de manteiga
➔ 3 gemas de ovo
➔ 10g de fermento de padeiro seco - recomendo ao invés do fresco (ou 25g de fermento de padeiro fresco)
➔ 20g de sumo de laranja
➔ 40g de vinho do Porto
➔ 1 pitada de sal
➔ 350 de mistura de frutas secas e cristalizadas picadas + qb para decoração (costumo reservar umas cerejas cristalizadas, algumas tiras de abóbora e figo cristalizados para a decoração assim como nozes, pinhões e amêndoas)
➔ 1 gema para pincelar
➔ açúcar qb para a decoração

Preparo - Modo Tradicional:
1) Começar por pesar a farinha e reservar.
2) Misturar o açúcar e a raspa dos citrinos e esfregar bem com as mãos para libertar os óleos das cascas dos citrinos..
3) Adicionar o leite morno e a manteiga derretida e misturar bem.
4) Juntar as gemas, o fermento, o sumo de laranja e o vinho do Porto envolver.
5) Aos poucos adicionar a farinha e o sal.
6) Amassar bem a mistura (cerca de 5 minutos) até que forme uma bola que não fica agarrada às paredes da tigela. Se for o caso disso, parar a máquina, polvilhar as paredes da tigela com um pouco de farinha amassar mais um pouco.
7) Deixar a massa repousar dentro do tigela, em local morno, até que dobre de volume. Assim que isso aconteça, pressionar a massa com as mãos para baixar o volume e amassar por cerca de mais 2 minutos.
8) Enquanto amassa, juntar os frutos secos.
9) Colocar a massa numa superfície lisa enfarinhada e amassar com as mãos até formar uma bola lisa. Polvilhar com farinha, dar a forma de uma rosca e colocar num tabuleiro forrado com papel vegetal.
10) Pincelar a rosca com a gema de ovo e deixar que repouse, em local morno, até que dobre de volume.
11) Quando tiver levedado, decorar a rosca com as frutas cristalizadas e secas a gosto (para dar um aspecto mais brilhante às frutas cristalizadas, costumo lavar o excesso de açúcar das mesmas, secando-as bem, antes de colocar sobre o bolo). Com um pouco de açúcar misturado com algumas gotas de água (açúcar humidificado) fazer pequenos montes sobre o bolo, a gosto.
12) Levar o bolo ao forno pré-aquecido, a 180ºC, por 20 a 30 minutos.

Preparo - Com Robot de Cozinha:
1) Começar por pesar a farinha e reservar.
2) No copo seco colocar o açúcar e a casca dos citrinos e programar 15 segundos, velocidade 9.
3) Adicionar o leite e a manteiga e programar 30 segundos, 37ºC velocidade 6 e de seguida 30 segundos, velocidade 9.
4) Juntar as gemas, o fermento, o sumo de laranja e o vinho do Porto e programar uns segundos na velocidade 3.
5) Com a máquina em funcionamento na velocidade 3, adicionar a farinha e o sal.
6) Programar 3 minutos, velocidade espiga e verificar se formou uma bola que não fica agarrada às paredes do copo. Se for o caso disso, parar a máquina, polvilhar as paredes do copo com um pouco de farinha e programar mais uns segundos na mesma velocidade.
7) Deixar a massa repousar dentro do copo até que levede de forma a levantar o copo de medida. Assim que isso aconteça, pressionar a massa com as mãos para baixar o volume e programar 1 minuto, velocidade espiga.
8) Programar 30 segundos velocidade espiga e juntar pelo bocal da tampa os frutos secos.
9) Retirar a massa do copo para uma superfície lisa enfarinhada e amassar com as mãos até formar uma bola lisa. Polvilhar com farinha, dar a forma de uma rosca e colocar num tabuleiro forrado com papel vegetal.
10) Pincelar a rosca com a gema de ovo e deixar que repouse, em local morno, até que dobre de volume.
11) Quando tiver levedado, decorar a rosca com as frutas cristalizadas e secas a gosto (para dar um aspecto mais brilhante às frutas cristalizadas, costumo lavar o excesso de açúcar das mesmas, secando-as bem, antes de colocar sobre o bolo). Com um pouco de açúcar misturado com algumas gotas de água (açúcar humidificado) fazer pequenos montes sobre o bolo, a gosto.
12) Levar o bolo ao forno pré-aquecido, a 180ºC, por 20 a 30 minutos.





3 comentários:

Agradeço a tua visita e comentário!
Espero ver-te por aqui mais vezes :)

Bimby,

Bolo-rei de enchidos

09:00:00 Ana Filipa Costa 4 Comments


Esta é uma sugestão perfeita para ocasiões de festas. Basicamente nada mais é do que uma saborosa bola de carnes em formato de bolo-rei.
O bom desta receita é que a massa é muito fofa e fica macia mesmo de um dia para o outro, o que permite preparações de véspera, perfeito para quando pretendendo organizar tempo e esforços para ocasiões de festa.

O sabor da laranja, em combinação com os enchidos e o alecrim é divinal!

A apresentação em formato de bolo-rei é muito bonita para uma mesa festiva.
Aqui em casa ficámos fãs, recomendo que experimentem!😊

Receita retirada da revista "Bimby Momentos de Partilha - Janeiro 2018, página 56"
Ingredientes:
➔ 100g de leite + qb para pincelar
➔ 1 c.chá de fermento de padeiro seco (ou 20g de fermento fresco)
➔ 540g de farinha de trigo tipo 65 + qb para polvilhar
➔ 4 ovos
➔ 100g de manteiga à temperatura ambiente
➔ 50g de cerveja
➔ 25g de aguardente
➔ 50g de azeite
➔ raspas de 1 laranja
➔ 650g de enchidos à escolha (usei uma mistura de bacon, chouriço de carne, chouriço de sangue, salpicão e presunto)  cortados em cubos ou rodelas pequenas.
➔ 50g de amêndoas com pele
➔ 50g de pinhões
➔ 1 raminho de alecrim
➔ orégãos qb para polvilhar
➔ flor de sal qb para polvilhar
➔ pimenta qb para polvilhar

Preparo - Modo tradicional:
1) Amornar o leite e misturá-lo com o fermento.
2) Adicionar ao leite 100g de farinha e envolver bem. Deixar que a mistura levede em local morno (geralmente coloco dentro do meu micro-ondas, desligado) até que dobre de volume e comece a fazer bolhas (cerca de 30 minutos).
3) Depois da mistura levedada, juntar os ovos inteiros, a manteiga, a cerveja, a aguardente, o azeite, a restante farinha e as raspas de laranja e amassar bem por pelo menos 5 minutos. Deixar a massa levedar em local morno por pelo menos 40 minutos (a massa deverá dobrar de volume).
4) Pré-aquecer o forno a 200ºC. Sobre uma superfície polvilhada com farinha estender a massa já levedada formando um rectângulo. Sobre a massa distribua 500g da mistura de enchidos, metade das amêndoas e pinhões e distribuir todas as folhas do ramo de alecrim. Enrolar a massa como se fosse uma torta (enrolar pela extremidade mais longa). Formar uma coroa e fechar bem as extremidades, pincelando a coroa com um pouco de leite. Decore a coroa com os restantes enchidos, amêndoas e pinhões, polvilhar com orégãos, flor de sal e pimenta a gosto e levar ao forno a 200ºC por cerca de 30 minutos. Pode ser servido frio ou quente.

Preparo - Com robot de cozinha:
1) Colocar no copo o leite e o fermento e programar 2 minutos, 37ºC, velocidade 1.
2) Adicionar ao leite 100g de farinha e programar 6 segundos, velocidade 5. Com o auxílio de uma espátula, baixar o que ficou nas paredes no copo e deixar que a mistura levede em local morno (geralmente coloco dentro do meu micro-ondas, desligado) até que dobre de volume e comece a fazer bolhas (cerca de 30 minutos).
3) Depois da mistura levedada, juntar os ovos inteiros, a manteiga, a cerveja, a aguardente, o azeite, a restante farinha e as raspas de laranja e programar 2 minutos, velocidade espiga. Deixar a massa levedar em local morno por pelo menos 40 minutos (a massa deverá dobrar de volume).
4) Pré-aquecer o forno a 200ºC. Sobre uma superfície polvilhada com farinha estender a massa já levedada formando um rectângulo. Sobre a massa distribua 500g da mistura de enchidos, metade das amêndoas e pinhões e distribuir todas as folhas do ramo de alecrim. Enrolar a massa como se fosse uma torta (enrolar pela extremidade mais longa). Formar uma coroa e fechar bem as extremidades, pincelando a coroa com um pouco de leite. Decore a coroa com os restantes enchidos, amêndoas e pinhões, polvilhar com orégãos, flor de sal e pimenta a gosto e levar ao forno a 200ºC por cerca de 30 minutos. Pode ser servido frio ou quente.






4 comentários:

Agradeço a tua visita e comentário!
Espero ver-te por aqui mais vezes :)